Cidadania

Secretaria de Agricultura e SENAR ultrapassa barreiras e leva capacitações ao presídio de Santa Inês Publicada em 11/08/2017 16:54:57

          A Secretaria de Agricultura, Pecuária, Piscicultura e Abastecimento, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Sejap), realizam um curso de Horticultura oferecido aos detentos do Sistema Prisional de Santa Inês. O objetivo é investir na qualificação profissional, geração de renda além do consumo próprio das hortaliças que serão plantadas e cultivadas no presídio.

          A oficina foi realizada nos dias 10 e 11 deste mês, as aulas aconteceram no Espaço de Vivência no presídio, tendo como palestrante, o Agrônomo José Costa Lopes. Estavam presentes o diretor do Sistema Prisional do Município, Carlos Marques Moraes Coelho; a Terapeuta Ocupacional da SEJAP, Jose Ferreira e o Secretário de Agricultura do Município, Raimundo do Nascimento.

Além das aulas teóricas, os detentos receberão aulas práticas, desde o ensino da escola do produto que será cultivado, até o cuidado, colheita e venda/consumo das hortaliças. De acordo com a terapeuta ocupacional, os detentos que participam das aulas foram selecionados através de um acompanhamento e análise da comissão técnica da unidade prisional que passa por vários requisitos que vai desde o comportamento individual e em grupo, interesse e habilidade, até grau de instrução, como ler e escrever.

Segundo secretário Raimundo dos Santos, “ É uma forma de qualificar profissionalmente os detentos para que possam retornar à sociedade, inseridos no mercado de trabalho e esta parceria é bastante importante para alcançar esse objetivo que é potencializar a qualificação profissional e ajudar a ampliar o número de presos inseridos no mercado de trabalho”, acredita a secretário Raimundo do Nascimento.

As sementes da nova horta do presídio já foram plantadas, em breve serão feitos horta suspensa, através de garrafas pet e horta de caixotes, além do canteiro próprio para o plantio.

 

Mais em Cidadania


Receba nossa Newsletter. Deixe seu nome e e-mail!